Análise cromática
Moda

Análise cromática, por Lara Thuler

As cores transmitem mensagens e é um importante elemento na hora de compor um look ou construir uma imagem. 

No começo do século 20, o professor Johannes Itten, um dos grandes nomes da escola de artes Bauhaus, iniciou um importante estudo sobre as cores.

Itten observou que seus alunos sempre escolhiam um mesmo grupo de cores para fazer seus trabalhos e que as cores eram escolhidas não só pelas combinações harmônicas, mas também pelo fato de ressaltar a beleza do próprio aluno.

Desde então, os estudos foram se desenvolvendo até chegarmos ao Método Sazonal, que divide as cores em 4 grupos: Primavera, Verão, Outono e Inverno.

Cada pessoa tem um subtom de pele diferente e assim reage às cores de forma diferente. Com a Análise Cromática é possível ver quais cores que podem iluminar e favorecer, criando assim, uma cartela pessoal de cores.

A Análise Cromática é feita observando e comparando o efeito criado na aparência e coloração pessoal, ao colocarmos tecidos de diferentes cores próximo ao rosto. Esse teste é feito por uma consultora de imagem, que é formada e tem conhecimento e olhar apurado para identificar a cartela correta.

O efeito das cores próximas ao rosto é nítido. As cores que valorizam a beleza individual ajudam a disfarçar pequenas imperfeições, como olheiras e marcas de expressão e as cores que não estão na sua cartela tem o efeito oposto, criando sombras e envelhecendo.

Como o efeito é visto no rosto, a cartela de cores serve para as peças de roupa da parte de cima – a cor utilizada na parte de baixo não influencia.

Por fim, é importante ressaltar que as cartelas não servem para prender ou limitar, mas o contrário: elas libertam e ampliam os horizontes! Como nada na moda é regra, o uso de cores que fogem da cartela será associado diretamente aos truques se styling, que vão manter o look equilibrado!

Lara Thuler, stylist da Mandala Clothing

Você também pode gostar...